Advento: a espera do Senhor
Advento: a espera do Senhor

Advento: a espera do Senhor

Em: 08/12/2022

Por: comunicacao

Categorias: Portal Blog


O advento é o anúncio de que uma grande festa se aproxima, e é desejo de Deus que não percamos nenhuma das graças que Ele deseja derramar neste tempo.

O Natal é um grande marco para nós, cristãos católicos, e devemos esperá-lo com um coração cheio de esperança, sobretudo, em estado de prontidão.

É verdade que Cristo já nasceu e que hoje o que celebramos é o memorial deste grande acontecimento. Porém, a Igreja sabe que em Cristo tudo se renova e que, ao comemorarmos o Seu nascimento, a mesma graça de Deus é derramada. Então, para todos aqueles que se abrem com zelo a espera até o dia de Natal é novamente celebrada a vida de Jesus em nós.

Mas como preparar-se para este dia? Como esperar e celebrar a luz que vem para iluminar as trevas de nossa existência?

O tempo do Advento presente no calendário litúrgico precede a solenidade do Natal do Senhor. É este um tempo precioso e de muitos frutos, por isso a Igreja sabiamente nos chama para prepararmos o nosso coração.

Assim, a liturgia deste tempo nos convida a estarmos vigilantes, devemos despertar as áreas de nossa vida que se encontram adormecidas, pois o Senhor vem e deseja nos encontrar sóbrios para tudo aquilo que nos deseja revelar.

Além de viver com grande sinceridade de coração esse momento de tamanha importância para a nossa fé e tão propício para o nosso crescimento espiritual, que também seja para aqueles em nossa casa.

Por isso trouxemos aqui 4 ações que ajudarão a vivência do tempo do Advento em família.

Viva o Advento em oração com a família

Que neste tempo os momentos de oração em família possam ser intensificados, não necessariamente em tempo, mas em constância. Que se tenha um momento específico onde todos juntos possam rogar a Deus a graça de um coração novo para recebê-lo.

Aqui também é de grande proveito rezar a Novena de Natal e em família  reunir em uma só voz as nossas preces.

Leia também: A Sagrada Família é uma referência para você?

Medite mais a Palavra de Deus no Advento

Ao vivenciarmos o tempo do Advento a Igreja nos coloca diante de duas grandes realidades de nossa fé. A primeira é óbvia, mas também de grande mistério, que é o nascimento de Jesus, o cumprimento da aliança anunciada pelos profetas desde a antiguidade. A outra é a segunda vinda de Cristo, quando, no fim dos tempos, Ele virá glorioso, mas desta vez para julgar a humanidade.

São 4 os Domingos do Advento e cada um deles traz uma mensagem de alerta, de esperança e de despertar.

Que guardemos em nossa semana um dia em acordo com todos da nossa casa para que a mensagem central daquela semana seja partilhada e meditada. Assim a Palavra de Deus poderá ter espaço em nosso lar e transformar até mesmo aqueles que se encontram distantes da fé.

Leia também: Qual a importância da Palavra de Deus em nossas vidas?

Preparar juntos a casa para o Natal

Com a nossa família, podemos cantar juntos com a Igreja a glória desta noite. Assim como afirma o Catecismo da igreja Católica, § 525:

“Jesus nasceu na humildade dum estábulo, no seio duma família pobre. As primeiras testemunhas deste acontecimento são simples pastores. E é nesta pobreza que se manifesta a glória do céu”.

Desde os enfeites natalinos, com os quais podemos em família refletir sobre o significado de cada um deles, até a arrumação da estrutura da casa como pinturas das paredes, reorganização dos móveis e etc. Podemos cultivar o espírito de fraternidade e refletirmos sobre a comunhão que Cristo nos propõe ao nascer para remir todos os povos.

Que tal fazermos um momento onde diante dessas atividades um lanche possa ser partilhado e uma oração seja feita em gratidão a Deus por toda a Sua providência em nossas famílias em tantos outros lares no mundo inteiro?

Praticar um obra de misericórdia

Avalie seus armários e convide a todos da sua casa para assim o fazerem. Que roupas, brinquedos, utensílios, livros, etc possam ser revisados e, se possível, doados mediante a real necessidade de cada um.

Aquele objeto que me excede pode ser falta para outra pessoa, aquela roupa ou acessório que mesmo estando em bom estado já não é usado há muito tempo pode servir para alguém.

E assim, refletindo e cultivando em nós o sentimento de desapego e partilha, sejamos livres do egoísmo e possamos caminhar ao encontro da gruta de Belém com o coração leve.

Por fim…

A verdade é que ao celebrarmos o Advento que precede o Natal do Senhor temos a grande oportunidade de crescermos na espiritualidade enquanto família e perceber que o céu será mais feliz com cada um que amamos ao nosso lado.

Que alegria será podermos celebrar este dia com aqueles que amamos. Podemos adorar O Menino Deus, rosto do amor e misericórdia divina também com a nossa família.

Jesus Cristo vem! Enchamos os nossos corações de esperança e alegria e contagiemos a todos de nossa casa.

Gostou da leitura? Clique aqui para fazer parte da nossa família Salesiana e não perca mais nenhum conteúdo.

Comentar